Despachante em curitiba avenida sete de setembro

Governo devolve R$ 2 milhões em multas de trânsito para municípios

O Departamento de Trânsito do Paraná (Detran) vai restituir R$ 2 milhões a 25 cidades paranaenses que não estão integradas ao Sistema Nacional de Trânsito (SNT). Os valores, entre R$ 30 mil e R$ 240 mil, são decorrentes de multas de competência municipal, lavradas por agentes estaduais e acumuladas desde o vencimento do convênio firmado entre as prefeituras e Detran, em 2014. O anúncio da restituição dos valores foi feito pelo governador Beto Richa, nesta terça-feira (19), no Palácio Iguaçu, em Curitiba.

As receitas de multas de trânsito, conforme estabelece o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), devem ser aplicadas pelas prefeituras, exclusivamente, em fiscalização e ações voltadas ao trânsito dos municípios. “Os montantes arrecadados certamente vão contribuir para salvar vidas, pois as cidades vão usar os recursos para campanhas educativas de trânsito, sinalização e compra de equipamentos para melhorar o tráfego”, disse o governador.

EDUCAÇÃO E EQUIPAMENTOS – O prefeito de Rolândia, Luiz Francisconi Neto, usará boa parte dos R$ 216 mil restituídos ao município para promover campanhas sobre trânsito seguro nas escolas. “Nossa ideia é levar informações para crianças e adolescentes e prepará-los para serem mais responsáveis no trânsito, seja como motorista ou como pedestre”, disse. “É mais fácil educar os filhos do que os pais”, acrescentou ele.